sábado, outubro 31, 2009

Nao esta terminado

quarta-feira, outubro 14, 2009

Energia Solar .... imprescindível!!


A energia que temos do Sol....
 

Economzamos e poupamos nossas águas....
 

Nossos lares ficam aquecidos e poupamos o meio ambiente.
 

Material acessível, barato, fácil de se manter....
Energia Solar é uma das saídas....! 

Plantar, plantar, plantar... Culto ao verde!!


 
Resgatar a Natureza.... mudas de árvores nativas...

 
 Viveiros .... muito verde!!

 
 Horta comunitária... folhas, verduras, legumes... sem agrotóxicos!!

 
 Flores pra nosso jardim! Muitas flores!!
Um berçário para mudinhas... de flores, claro!



Cantinhos pra repousar a mente e o coração...




Cantinho pra descanso... balançar ....



Uma varandinha do vizinho, pra espiar... :)

 
 Rede na varanda! Tudo de bommmmm!


 
Aconchegos....

terça-feira, outubro 13, 2009

Coleta de água da chuva....



Coleta de água da chuva..... Totalmente viável e recomendável.

Esquema simples! Alternativa indispensável.... vamos precisar muito!



Reciclar nosso lixo.... Criar estruturas para viabilizar todo material reutilizável ou não.


O que polui, o que não tem reciclagem, precisa ter destino próprio...


O que pode ser reciclado ....
Teremos um espaço livre do lixo poluente!

sexta-feira, outubro 09, 2009

Com uniao fica BEM mais facil



09 de outubro de 2009 | N° 16119AlertaVoltar para a edição de hoje

AMBIENTE

Distribuição de mudas no Norte

Exemplares de araucárias serão cultivados

Mais de 28 mil mudas de araucárias foram distribuídas ontem pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente para agricultores da Região Norte. O evento ocorreu em Barão de Cotegipe, onde o projeto foi lançado há sete anos.

Omunicípio escolhido para a entrega das mudas é um exemplo para o Estado. Há 13 anos, alunos da Escola São José, no povoado Sérvia, criaram o arboreto, um museu vivo onde são plantadas e reproduzidas árvores nativas em extinção. Já são mais de 200 espécies. O banco de sementes serve a diversos municípios da região, e a lição foi levada da escola para as propriedades rurais, onde moram os alunos.

O projeto de repovoamento da araucária é implementado pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente e pela Rio Grande Energia (RGE) como forma de compensar os cortes feitos para a instalação de redes elétricas. Cada agricultor pode receber até 100 mudas em troca do plantio nas propriedades. Quando o programa foi lançado, os agricultores ganharam sementes de pinheiro. Muitas destas árvores já atingiram 2 metros de altura.

– A gente plantou pensando na família, nos netos, que no futuro vão ter as árvores– contou o agricultor Osvaldo Otto, que ganhou novas mudas de araucária para o plantio.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Barão de Cotegipe, Valdecir Balestrim, disse que a iniciativa está transformando o município e recuperando as matas ciliares.

– Nossa cidade vai se transformar numa ilha verde – comemorou Balestrim.

marielise.ferreira@zerohora.com.br